espiritualidade e vida cristã

Nos pés do Pai

daddys-feet

“e ande humildemente com o seu Deus”
Miquéias 6:8

As noites de dança em minha casa eram as mais divertidas. Éramos crianças e nossos pais queriam nos ensinar os passos da música gaúcha. Eu fazia par com meu pai e meu irmão com minha mãe. Sim, também gostava dos tempos em família jogando cartas até altas horas e das noites para contar histórias e lembrar o tempo que tinha ficado para trás. Mas as noites de dança ensinaram-me algumas lições.

“Dois pra lá, dois pra cá”, começava meu pai, paciente, enquanto eu tropeçava em minhas próprias pernas. Nunca fui uma boa dançarina! Não aprendia assim tão fácil. Mas ele não desistia de mim! Pedia que subisse em seus pés e o deixasse conduzir a dança. Gostava tanto quando ele fazia isso! Às vezes, dizia que tinha esquecido os passos apenas para subir em seus pés e deixar que fizesse todo o esforço, enquanto eu desfrutava da diversão de ir pra lá e pra cá. Por alguns minutos, podia esquecer tudo e sentir-me totalmente segura e feliz dançando com meu pai. Quantas vezes já quis que aqueles momentos voltassem!

Na minha dança com Deus, às vezes deparo-me com passos nunca treinados antes e fico paralisada. Alguns conseguem fluir com a música e se deixar levar pelo ritmo, mas não eu. Não sou boa dançarina. Tropeço em meus próprios pés. Meu Pai, pacientemente, convida-me a subir em Seus pés bem treinados. Porém, já não sou como uma criança. Reluto, quero acertar os passos e mostrar a Ele como consigo dançar bem. Tento entrar no ritmo, fazer bonito. Às vezes, sou tão ousada e sequer quero ouvir Suas lições. Vamos logo fazendo do meu jeito. Pacientemente, Ele continua lá, convidando, oferecendo Seus pés seguros e firmes para me guiarem.

Agora percebo: tudo que meu pai esperava de mim quando passávamos aquelas noites juntos era minha confiança nele, subir em seus pés e desfrutar a diversão. O Senhor não espera algo diferente. Sua vontade é que ande com Ele, humildemente. Para Ele, não importa tanto me ver dançar certo. Importa estar comigo, ter-me em Seus pés. Não preciso pressa para chegar a lugar algum, ou para aprender os passos logo. Se eu apenas me agarrar n’Ele e permanecer neste lugar, Ele me levará onde devo chegar. Não importa o ritmo da música, Ele sabe os passos certos. Ele dançará os passos que não sei dançar enquanto desfruto de sua companhia.

Faxinal dos Guedes – SC, Junho de 2013

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s