dicas · resenha de livro

Amor de Redenção

Passei pra indicar um livro, caso estejam aí de férias, com um tempinho extra pra leitura. “Amor de Redenção” foi dica de minha amiga Karina Maximiano. Nós compartilhamos esta paixão por romances cristãos!

Com certeza o melhor livro que li em 2013. Fui surpreendida por esta história e me emocionei do início ao fim! Isso porque sempre acreditei no amor de Deus, expressado por meio das pessoas, trazendo transformação e redenção. Mas parece que este tipo de amor, incondicional, é tão difícil de achar hoje em dia, não é? Somos rápidos em julgar quem ama sem dar nada em troca e, se for o nosso caso, abandonamos logo qualquer pessoa que está atrasando nossa vida.

Ler o romance de Angel (Sarah) e Michael, baseado na história bíblica de Oséias e Gômer, encheu-me novamente dessa esperança pra acreditar e buscar amor ágape. Amor que ama simplesmente porque ama, sem condições e cobranças, sem expectativas irreais, sem esperar nada em troca. Amor que faz o sol brilhar na escuridão e converter tudo em pleno dia. Este amor, presente do Pai, é, lá no fundo, o que buscamos e gostaríamos muito de poder oferecer. Este amor vem só d’Ele, mas Ele o divide conosco e manda passar adiante.

amor

Trecho do livro:

“E então a escuridão diminuiu. Começou bem devagar, quase não deu para notar. As estrelas foram ficando cada vez menores, e o fundo preto, mais suave. Ela se levantou para ver e apertou o acolchoado contra o corpo. Lá atrás ainda estava tudo escuro, mas na frente havia luz. Uma luz amarelo clara que ficava mais brilhante, rajada de dourado, vermelho e cor de laranja. Angel já tinha visto o nascer do sol antes, dentro de quatro paredes, atrás de um vidro, mas nunca daquele jeito, com a brisa fresca no rosto e a natureza selvagem em todas as direções. Nunca tinha visto nada tão lindo. A luz da manhã se derramou lentamente sobre as montanhas, atravessou o vale e foi até a cabana, a floresta mais atrás, e subiu a colina. Angel sentiu as mãos fortes de Hosea em seus ombros.
– Mara, esta é a vida que quero lhe dar.
O sol brilhava tanto que chegava a doer os olhos, e ela ficou mais cega do que na escuridão. Sentiu os lábios dele em seu cabelo.
– É isso que estou lhe oferecendo”

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s