espiritualidade e vida cristã · ultimato · viagem

O aniversário de Áureo

Texto do mês, no blog jovem da Ultimato.

Confira!!!

O aniversário de Áureo

 

“- A única diferença entre eu e vocês é que minha roupa está suja – disse Áureo Angélico de Jesus, em pé, debaixo da marquise de um prédio próximo ao Ponto 7, um dos mais movimentados na noite de Porto Velho, RO.

Enquanto discursa sobre a vida, come o cachorro quente que lhe oferecemos e saboreia dydyo, um refrigerante da região, mais vendido que coca-cola. Tira do bolso da bermuda cáqui a carteira de trabalho que há muito tempo não usa. É seu único documento. Bate no peito ao contar que nasceu em Rio Branco, no Acre. Sua expressão muda ao lembrar-se de não ter ganhado nenhum presente de aniversário, no dia anterior.

Veio a Porto Velho por causa da mulher. A língua se embaralha ao falar dela e não consegue dizer coisas claras. Trabalha como guardador de carros e dorme em qualquer lugar. Fuma crack todos os dias depois da metade da tarde porque, segundo ele, as outras drogas não fazem nenhum efeito. O cabelo longo, a barba por fazer, um dos dedões do pé sem a ponta. De pé, na calçada, cinquenta centímetros acima do meu olhar, ele é o professor agora. Sinto-me diante de um mestre. Ele sabe do que fala. Não quer ir para uma casa de recuperação, porque não precisa ser recuperado. E o que precisa?

– Preciso ser transformado. Já estive em casas de recuperação. Fico lá um tempo, me recupero, volto gordinho, limpo e cheirosinho. Mas por dentro continuo a mesma pessoa. Quando chego à rua sou igual antes.

Falamos de Jesus. Ele conhece o assunto. Passou boa parte da vida na igreja e gostaria de estar numa agora.

– As pessoas me oferecem de tudo, bebida, droga, dinheiro, roupa, comida. Mas não me oferecem o que preciso de verdade. Eu preciso de ajuda. Não consigo sair sozinho. Outro dia passou aqui um desembargador e cuidei do carro dele. Lembrava daquele homem. Já tinha batido na porta da casa dele pedindo ajuda. Ganhei um pão mofado. Quando olhei pela janela, o cachorro estava comendo um grande pedaço de carne. Tenho que desabafar. Eu me sinto pior do que aquele cachorro.

É o trabalho de uma igreja local: distribuir abraços e comida para moradores de rua todas as quintas depois das 22 horas. Juntamo-nos a eles. Éramos quase trinta, divididos em pequenos grupos. Égon, 19 anos, lidera meu grupo. Fala com eles como se os conhecesse a vida toda e só depois pergunta seus nomes. Sabe quem são, não importa seus nomes. Chama-os capitães, chefes, comandantes. Homens sem identidade ganham títulos, são afirmados e abraçados por Égon. Áureo agora é, nas palavras e atitudes do rapaz, um representante do próprio Deus, um anjo, um profeta.

Sim, é impossível negar. Estou diante de um profeta, um profeta que não ganhou presente de aniversário.

– Tenho um presente para você!, apressa-se Égon. Vou orar. Posso?

– Sim, pode. É muito bonito o que vocês estão fazendo por mim, trazendo esse dydyo e parando para conversar. Sim, sim, ore, preciso de muita intercessão e a oração tem muito poder.

Enquanto oramos, chora muito. Está emocionado por poder comemorar duas vezes o aniversário.

– Sei que vocês não podem fazer muito por mim, mas posso pedir apenas uma coisa? -, diz, entre as lágrimas.

– Fala profeta!, é a resposta rápida de Egon.

– Se vocês voltarem aqui na próxima semana, tragam uma camisa limpa pra mim.

– Pode ser preta? Se pode ser, vamos ali do lado que deixo a minha com você e você me dá a sua. O que acha?, propõe nosso jovem líder.

– Não meu amigo, é um ato de muito amor de sua parte, mas não aceito. Volta aqui na próxima semana e me traz uma.

– E onde te encontro na próxima quinta?

– Vou estar aqui, no mesmo lugar, tenho certeza. Eu não vou sair daqui.

Queria abraçá-lo e dizer alguma coisa. Não fiz nada, não disse nada. Virei as costas tentando esconder as lágrimas e saí dali. Lembrei o que tinha entendido momentos antes: “Hoje você vai enxergar”. Enxergar dói.

Na semana seguinte, Áureo ganhou sua nova camisa”

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s